O ARAÇÁ
Como surgiu o fenômeno

Filho da fêmea Talismã e do macho Goiano, nascido dia 28/01/1994 na cidade de Araçatuba SP, teve como seu iluminado criador o Sr. Luiz Lucas de Oliveira e sua esposa dona Duzolina.

A fêmea Talismã já falecida criou quatro filhotes, sendo dois machos e duas fêmeas. Os quatro filhotes, divididos em duas ninhadas, tiveram pais diferentes, sendo que a primeira teve como pai o bicudo Goiano, também do mesmo dono. No final do ano de 1993 o Sr. Luiz e a Senhora Duzolina receberam de um amigo uma fita do bicudo Batuque, desde o nascimento, os filhotes ouviram à fita do Batuque, segundo dona Duzolina “toda vez que o passarinho pedia eu ligava a fita”.

Cinco meses depois o juiz de canto de bicudo, José Geraldo Amadeu fez uma visita à casa do Sr. Luiz acompanhado do amigo Marco Antonio Magalhães para ouvir os filhotes. Ao colocar os bicudos para fora, um deles cantou com todas as notas, este vale 10, eis que surge o outro, também canta com todas as notas, este então vale 1000. Como isto é possível? Algum tempo depois convidamos o Sr. Aloísio Pacini Tostes para ver e ouvir o canto dos filhotes, quando estes cantaram, o Sr.Aloísio ficou impressionado com a qualidade do canto dos bicudos. Neste dia o Sr. Aloísio adquiriu um dos filhotes (Pezinho, pois tinha este nome por ter apenas um pé). O mesmo hoje se chama Talismã.

Tempos depois em 1996 o Sr. Geraldo Amadeu volta à casa do Sr. Luiz e adquire aquele filhote que tempo atrás tinha dado nota 1000. E o batizou com o nome de O Araçá. Assim surgiu o fenômeno.

A gratidão e a alegria são alimentos da alma por isso daqui para frente, seguramente vivam coisas boas, pois iniciei uma nova vida. É o começo de um destino radioso.
Cedi ao Sr. Reynaldo Guedes Neto com muita alegria o bicudo, Araçá em 1996.
JOSÉ GERALDO AMADEU (Juiz de Canto de Bicudo)
“No período de 1996 –1997 o bicudo Araçá permaneceu em poder do Sr. Reynaldo Guedes Neto em Caxambú , Sul de Minas.

Em 04 de agosto de 1997, foi por mim adquirido, e desde então venho tendo muitos momentos agradáveis em sua companhia, tendo inclusive conseguido manter sua carga genética através dos seus descendentes, hoje com a mesma qualidade do Canto do pai. Espero que os admiradores do canto de Bicudo, possam apreciar o mais belo exemplar do Canto Super Clássico Goiano. (linha de Canto Batuque) Nosso objetivo ao realizar este trabalho é manter vivo o mais puro Canto Clássico que existe em nossos dias, para que gerações futuras possam apreciar e estudar este maravilhoso Canto”. Com esmero e um trabalho disciplinado conseguimos excelentes exemplares deste maravilhoso canto, descendentes diretos, indiretos ou mesmo alunos, nosso trabalho consiste no aprimoramento genético, com o melhor do canto Goiano.

FERDINANDO DE MENEZES hum

Texto publicado com a colaboração do Criatório O Araçá - www.oaraca.com.br